SatClube Fórum Patrocinado Por



Responder tópico
INTELSAT 11 (BANDA C e KU) COMENTÁRIOS GERAL
Você está no fórum Satélite
Pág. Anterior  1, 2, 3 ... , 25, 26, 27  Próximo

smurfvalente
Valente - Bahia
br.gif
Mensagem: #501
21/06/2017, 22:22

Alguém já apontou para o INTELSAT 11 - BANDA C? Qual o tamanho da antena que seria legal? 1,50 de chapa serve? Qual o tipo de LNB? Desde já agradeço a atenção e ajuda.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


IgorSl
São Luís - Maranhão
br.gif
Mensagem: #502
21/06/2017, 23:20

deve nunca ter apontado pra esse satélite na Banda C, com 1,50 de chapa vai perder tempo, tem que ser acima de 2,50 telada pra ter bom rendimento, bem grande, de chapa tem que ser tamanho que dê de preferência mesmo rendimento, de 1,80 pra cima de preferência.
não são parâmetros do C2, C1 ou C3 que são bem fortes na Banda C, esse é pra ser captado com antenas bem grandes ou de uso profissional, já que só a banda Ku tem bom sinal pra o Brasil, justificado porque tem uma operadora de tv operando na Banda e deve ser o motivo de está enfraquecendo a Banda C, um dos piores dos satélites visados pra país, não dá pra captar com qualquer antena, uma dica: procure antenas com bom rendimento, não economize tamanho, se quiser captar algo na Banda C do mesmo.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário MSN Messenger


Hiperbólico
Ribeirão pires - Sp
Mensagem: #503
21/06/2017, 23:40

Aqui já tive a lista completa de canais numa tela de 2mts. Em 2012 ganhei uma SR2.85 coloquei no IS11 e + 6 lnbfs. Hoje só c/ 5

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


caco125
SAO JOAO DO PARAISO - MA
br.gif
Mensagem: #504
23/06/2017, 09:18

Com 43C no centro sera q a para colocar carona do ses6 e o intsat 14,antena 2,6 fibra?Nordeste.Obrigado.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


Hiperbólico
Ribeirão pires - Sp
Mensagem: #505
23/06/2017, 23:29

caco125 escreveu:
Com 43C no centro sera q a para colocar carona do ses6 e o intsat 14,antena 2,6 fibra?Nordeste.Obrigado.
acredito q sim porque numa tela de 2.85mts eu coloquei também C12/IS34 e IS21 mas. Tudo s/ discos tinha colocado também IS1R na época mas. Tirei porque foi ficando s/ canais. Tudo monoponto e nada de divisores cabo sai dos lnbfs vai direto p/ diseqc e da diseqc direto p/ 1 só receptor s/ encrencas

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #506
24/06/2017, 00:01

Boa noite! Ontem coloquei uma placa de teflon na lnb multiponto greatek da minha telada de 1,90,usei meu Satlink 6960 e consegui 132 canais no Ses 6 40,5w.Hoje retirei a plaquinha, gastei 3 horas tentando o Is11 com varias tps aqui do portal e nada.Sei que o tamanho da antena é insuficiente,mas não existe uma bendita Tp sequer que consiga ser captada na minha antena pra me deixar satisfeito??? Já tentei outras ocasiões e nada sempre.Nao tenho como adquirir antena maior,infelizmente.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


Edney querino
Gilbués - Piauí
Mensagem: #507
24/06/2017, 00:33

Amigo Humberto o IS11 C é para quem é destemido, eu particularmente já desisti desse satélite . Já tentei numa de 2,2 e em outra de 2,4 sem resultado. É o único satélite banda c que eu nunca consegui captar, sendo assim não vou mais quebrar minha cabeça, pois não há coisas tão interessantes assim nele seria só por curiosidade mesmo.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #508
24/06/2017, 01:45
Colaborador Canais

HumbertoGV escreveu:
Boa noite! Ontem coloquei uma placa de teflon na lnb multiponto greatek da minha telada de 1,90,usei meu Satlink 6960 e consegui 132 canais no Ses 6 40,5w.Hoje retirei a plaquinha, gastei 3 horas tentando o Is11 com varias tps aqui do portal e nada.Sei que o tamanho da antena é insuficiente,mas não existe uma bendita Tp sequer que consiga ser captada na minha antena pra me deixar satisfeito??? Já tentei outras ocasiões e nada sempre.Nao tenho como adquirir antena maior,infelizmente.


Eu já penso um pouco diferente do nosso amigo Edney: realmente o IS11 banda C não é fácil, e também não tenho certeza se no nordeste o sinal dele é mais difícil que em outras regiões, mas concordo que o ideal é antena de 2,80m ou maior para ter sucesso com ele.
Porém, com um pouco mais de paciência e perseverança, dá prá conseguir alguns sinais dele mesmo com antenas de 2,0m telada. Neste caso as perdas serão grandes, e o ajuste não é fácil, além de exigir LNBFs de bom ganho e receptores com boa sensibilidade.
Afirmo isto porque aqui eu consigo vários canais do IS11 em antena de 1,80m/chapa , e inclusive um canal muito desejado neste satélite, que sempre foi difícil, mas que atualmente está pegando com certa tranquilidade mesmo nesta antena de 1,80m , que é o FishTV, cujo sinal melhorou de uns tempos prá cá.

A maior dificuldade do IS11 banda C é que ele praticamente não tem sinais fortes, e todos os seus sinais são médios ou fracos, e se usar antenas menores que 2,40m os sinais mais fracos não vão entrar, apenas os sinais médios ou sinais fracos em DVBS e com fec favorável.

Para tentar compensar isto é preciso usar LNBFs com bom ganho e fazer ajustes finos bastante precisos.

Vou fazer um scan no IS11_C com antena de 1,80m/chapa(equivalente à 2,10m telada aproximadamente) e postar o resultado, listando os tp's por ordem de intensidade de sinal, para ajudar na escolha dos sinais com mais chance de localizar o satélite.

Mas para a região de Governador Valadares-MG , o IS11 está quase no azimute zero, portanto muito fácil de ser encontrado. Nesta época do ano ainda é mais fácil se usar o sol como auxiliar de localização, já que ele está inclinado para o norte, e nesta região ele estará precisamente no azimute zero exatamente às 11:50hs, e passará pelo azimute do IS11 exatamente às 12:00hs !!!
Então é moleza: basta alinhar a antena com a sombra do sol ao meio-dia, de forma que a sombra do LNBF fique bem no centro da parábola, depois só mexe na elevação apontando gradualmente prá cima até encontrar o sinal. É importante também manter a polarização horizontal do LNBF exatamente na horizontal , já que o skew é mínimo devido à proximidade do azimute zero, e a inclinação será muito pequena, devendo ser alterada só no ajuste fino. Para a localização do satélite é só manter na horizontal, ou seja, linha do zero na escala do topo do LNBF na posição horizontal.

Boa pontaria.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #509
24/06/2017, 02:46
Colaborador Canais

A seguir está a relação de frequências encontradas no IS11 banda C com antena de chapa/1,80m listados em ordem de intensidade de sinal(em dB) do mais forte para o mais fraco.
vejam que nesta antena só conseguimos 15 tp's, e o sinal mais forte não passa de 9dB !!!





E mais abaixo está a relação de canais FTA(26 canais extraídos dos 15 tp's encontrados) ainda com antena de 1,80m/chapa:



Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #510
24/06/2017, 09:40

J. Roger escreveu:
HumbertoGV escreveu:
Boa noite! Ontem coloquei uma placa de teflon na lnb multiponto greatek da minha telada de 1,90,usei meu Satlink 6960 e consegui 132 canais no Ses 6 40,5w.Hoje retirei a plaquinha, gastei 3 horas tentando o Is11 com varias tps aqui do portal e nada.Sei que o tamanho da antena é insuficiente,mas não existe uma bendita Tp sequer que consiga ser captada na minha antena pra me deixar satisfeito??? Já tentei outras ocasiões e nada sempre.Nao tenho como adquirir antena maior,infelizmente.


Eu já penso um pouco diferente do nosso amigo Edney: realmente o IS11 banda C não é fácil, e também não tenho certeza se no nordeste o sinal dele é mais difícil que em outras regiões, mas concordo que o ideal é antena de 2,80m ou maior para ter sucesso com ele.
Porém, com um pouco mais de paciência e perseverança, dá prá conseguir alguns sinais dele mesmo com antenas de 2,0m telada. Neste caso as perdas serão grandes, e o ajuste não é fácil, além de exigir LNBFs de bom ganho e receptores com boa sensibilidade.
Afirmo isto porque aqui eu consigo vários canais do IS11 em antena de 1,80m/chapa , e inclusive um canal muito desejado neste satélite, que sempre foi difícil, mas que atualmente está pegando com certa tranquilidade mesmo nesta antena de 1,80m , que é o FishTV, cujo sinal melhorou de uns tempos prá cá.

A maior dificuldade do IS11 banda C é que ele praticamente não tem sinais fortes, e todos os seus sinais são médios ou fracos, e se usar antenas menores que 2,40m os sinais mais fracos não vão entrar, apenas os sinais médios ou sinais fracos em DVBS e com fec favorável.

Para tentar compensar isto é preciso usar LNBFs com bom ganho e fazer ajustes finos bastante precisos.

Vou fazer um scan no IS11_C com antena de 1,80m/chapa(equivalente à 2,10m telada aproximadamente) e postar o resultado, listando os tp's por ordem de intensidade de sinal, para ajudar na escolha dos sinais com mais chance de localizar o satélite.

Mas para a região de Governador Valadares-MG , o IS11 está quase no azimute zero, portanto muito fácil de ser encontrado. Nesta época do ano ainda é mais fácil se usar o sol como auxiliar de localização, já que ele está inclinado para o norte, e nesta região ele estará precisamente no azimute zero exatamente às 11:50hs, e passará pelo azimute do IS11 exatamente às 12:00hs !!!
Então é moleza: basta alinhar a antena com a sombra do sol ao meio-dia, de forma que a sombra do LNBF fique bem no centro da parábola, depois só mexe na elevação apontando gradualmente prá cima até encontrar o sinal. É importante também manter a polarização horizontal do LNBF exatamente na horizontal , já que o skew é mínimo devido à proximidade do azimute zero, e a inclinação será muito pequena, devendo ser alterada só no ajuste fino. Para a localização do satélite é só manter na horizontal, ou seja, linha do zero na escala do topo do LNBF na posição horizontal.

Boa pontaria.
Amigo Roger,bom dia! Minha dificuldade també é entender linguagem muito tecnica.O azimute zero que vc disse deve ser aquele zero que tem desenhado no topo da lnb.Pois a minha greatek multiponto nao tem esse desenho,tem 4 riscos(fendas) de cada lado.Imagens da posiçao da bengala,da lnb,da inclinaçao da bacia e distancia da marca que fiz do Ses 6 ficaria mais facil pra eu entender.Uso satilink 6960 e meu receptor Lemon 5000HD.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #511
24/06/2017, 10:13
Colaborador Canais

HumbertoGV escreveu:
Amigo Roger,bom dia! Minha dificuldade també é entender linguagem muito tecnica.O azimute zero que vc disse deve ser aquele zero que tem desenhado no topo da lnb.Pois a minha greatek multiponto nao tem esse desenho,tem 4 riscos(fendas) de cada lado.Imagens da posiçao da bengala,da lnb,da inclinaçao da bacia e distancia da marca que fiz do Ses 6 ficaria mais facil pra eu entender.Uso satilink 6960 e meu receptor Lemon 5000HD.


Na verdade, azimute zero é a direção do seu Norte geográfico, ou seja, o "zero grau real" ou o norte verdadeiro.
Aquela linha do zero na escalinha gravada no topo do LNBF corresponde à posição da sonda horizontal do lnbf.
Quando se aponta para um satélite que está no azimute zero ou bem próximo dele(que é o caso do IS11), então a horizontal do LNBF vai corresponder à nossa horizontal real (e a vertical também coincide com a nossa vertical real) então neste caso não tem necessidade de correção na inclinação do LNBF. Logo, aquela linha do zero que tem no topo do LNBF deverá ficar exatamente na horizontal. Depois que localizar o sinal/satélite, aí procede-se ao ajuste fino, e neste momento vc pode até fazer um leve giro para os ajustes finais monitorando o melhor sinal, mas para encontrar o satélite o melhor é mantê-la na horizontal.

Tem como mandar a foto do seu LNBF pegando o topo e parte da lateral, para confirmarmos o alinhamento do horizontal?
Eu não tenho este tipo de LNBF, então não entendí a sua descrição da escala que tem nele.
Aproveito para recomendar a troca do LNBF por um monoponto, que geralmente é mais sensível, pois os multipontos não funcionam muito bem nos sinais fracos do IS11...

Quanto à referência para localização, se não quiser usar o sol como referência(conforme minha sugestão anterior) e for partir do SES6 que vc já localizou, também está fácil, pois a distância entre o SES6 e o IS11 é bem pequena, e a elevação da antena é praticamente a mesma. Basta girar um pouquinho só a antena para a esquerda(olhando por detrás dela sempre) imaginando o cinturão de Clark à sua frente. Mas é importante que antes de iniciar o LNBF esteja com a polarização horizontal exatamente na horizontal, então confira isto antes de iniciar, pois o SES6 não precisa se preocupar por ser polarização circular e funciona em praticamente qualquer posição, enquanto o IS11 é polarização linear então tem que posicionar corretamente senão não vai achar sinal nenhum, ainda mais com sinais fracos como no IS11. Aliás, acho que se não fosse o problema da polarização vc já teria encontrado o IS11 há mais tempo, pela proximidade com o SES6 onde vc já estava, mas como a polarização do IS11 é crítica devido seus sinais fracos, isto deve ter lhe trazido dificuldades. Corrija esta questão da polarização do LNBF que certamente vc conseguirá rapidinho, e se ainda encontrar dificuldades então troque de LNBF, optando por um monoponto mais sensível, pois como disse anteriormente, é difícil encontra um multiponto sensível o bastante para funcionar bem nos sinais fracos do IS11.

Boa pontaria mais uma vez!

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #512
24/06/2017, 12:24

J. Roger escreveu:
HumbertoGV escreveu:
Amigo Roger,bom dia! Minha dificuldade també é entender linguagem muito tecnica.O azimute zero que vc disse deve ser aquele zero que tem desenhado no topo da lnb.Pois a minha greatek multiponto nao tem esse desenho,tem 4 riscos(fendas) de cada lado.Imagens da posiçao da bengala,da lnb,da inclinaçao da bacia e distancia da marca que fiz do Ses 6 ficaria mais facil pra eu entender.Uso satilink 6960 e meu receptor Lemon 5000HD.


Na verdade, azimute zero é a direção do seu Norte geográfico, ou seja, o "zero grau real" ou o norte verdadeiro.
Aquela linha do zero na escalinha gravada no topo do LNBF corresponde à posição da sonda horizontal do lnbf.
Quando se aponta para um satélite que está no azimute zero ou bem próximo dele(que é o caso do IS11), então a horizontal do LNBF vai corresponder à nossa horizontal real (e a vertical também coincide com a nossa vertical real) então neste caso não tem necessidade de correção na inclinação do LNBF. Logo, aquela linha do zero que tem no topo do LNBF deverá ficar exatamente na horizontal. Depois que localizar o sinal/satélite, aí procede-se ao ajuste fino, e neste momento vc pode até fazer um leve giro para os ajustes finais monitorando o melhor sinal, mas para encontrar o satélite o melhor é mantê-la na horizontal.

Tem como mandar a foto do seu LNBF pegando o topo e parte da lateral, para confirmarmos o alinhamento do horizontal?
Eu não tenho este tipo de LNBF, então não entendí a sua descrição da escala que tem nele.
Aproveito para recomendar a troca do LNBF por um monoponto, que geralmente é mais sensível, pois os multipontos não funcionam muito bem nos sinais fracos do IS11...

Quanto à referência para localização, se não quiser usar o sol como referência(conforme minha sugestão anterior) e for partir do SES6 que vc já localizou, também está fácil, pois a distância entre o SES6 e o IS11 é bem pequena, e a elevação da antena é praticamente a mesma. Basta girar um pouquinho só a antena para a esquerda(olhando por detrás dela sempre) imaginando o cinturão de Clark à sua frente. Mas é importante que antes de iniciar o LNBF esteja com a polarização horizontal exatamente na horizontal, então confira isto antes de iniciar, pois o SES6 não precisa se preocupar por ser polarização circular e funciona em praticamente qualquer posição, enquanto o IS11 é polarização linear então tem que posicionar corretamente senão não vai achar sinal nenhum, ainda mais com sinais fracos como no IS11. Aliás, acho que se não fosse o problema da polarização vc já teria encontrado o IS11 há mais tempo, pela proximidade com o SES6 onde vc já estava, mas como a polarização do IS11 é crítica devido seus sinais fracos, isto deve ter lhe trazido dificuldades. Corrija esta questão da polarização do LNBF que certamente vc conseguirá rapidinho, e se ainda encontrar dificuldades então troque de LNBF, optando por um monoponto mais sensível, pois como disse anteriormente, é difícil encontra um multiponto sensível o bastante para funcionar bem nos sinais fracos do IS11.

Boa pontaria mais uma vez!
Ok.Tirei fotos da Greatek multiponto e da Gecen monoponto Gcf1101 que tenho duas aqui.2mpamib.jpg

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #513
24/06/2017, 12:28

[quote="HumbertoGV"]
J. Roger escreveu:
HumbertoGV escreveu:
Amigo Roger,bom dia! Minha dificuldade també é entender linguagem muito tecnica.O azimute zero que vc disse deve ser aquele zero que tem desenhado no topo da lnb.Pois a minha greatek multiponto nao tem esse desenho,tem 4 riscos(fendas) de cada lado.Imagens da posiçao da bengala,da lnb,da inclinaçao da bacia e distancia da marca que fiz do Ses 6 ficaria mais facil pra eu entender.Uso satilink 6960 e meu receptor Lemon 5000HD.


Na verdade, azimute zero é a direção do seu Norte geográfico, ou seja, o "zero grau real" ou o norte verdadeiro.
Aquela linha do zero na escalinha gravada no topo do LNBF corresponde à posição da sonda horizontal do lnbf.
Quando se aponta para um satélite que está no azimute zero ou bem próximo dele(que é o caso do IS11), então a horizontal do LNBF vai corresponder à nossa horizontal real (e a vertical também coincide com a nossa vertical real) então neste caso não tem necessidade de correção na inclinação do LNBF. Logo, aquela linha do zero que tem no topo do LNBF deverá ficar exatamente na horizontal. Depois que localizar o sinal/satélite, aí procede-se ao ajuste fino, e neste momento vc pode até fazer um leve giro para os ajustes finais monitorando o melhor sinal, mas para encontrar o satélite o melhor é mantê-la na horizontal.

Tem como mandar a foto do seu LNBF pegando o topo e parte da lateral, para confirmarmos o alinhamento do horizontal?
Eu não tenho este tipo de LNBF, então não entendí a sua descrição da escala que tem nele.
Aproveito para recomendar a troca do LNBF por um monoponto, que geralmente é mais sensível, pois os multipontos não funcionam muito bem nos sinais fracos do IS11...

Quanto à referência para localização, se não quiser usar o sol como referência(conforme minha sugestão anterior) e for partir do SES6 que vc já localizou, também está fácil, pois a distância entre o SES6 e o IS11 é bem pequena, e a elevação da antena é praticamente a mesma. Basta girar um pouquinho só a antena para a esquerda(olhando por detrás dela sempre) imaginando o cinturão de Clark à sua frente. Mas é importante que antes de iniciar o LNBF esteja com a polarização horizontal exatamente na horizontal, então confira isto antes de iniciar, pois o SES6 não precisa se preocupar por ser polarização circular e funciona em praticamente qualquer posição, enquanto o IS11 é polarização linear então tem que posicionar corretamente senão não vai achar sinal nenhum, ainda mais com sinais fracos como no IS11. Aliás, acho que se não fosse o problema da polarização vc já teria encontrado o IS11 há mais tempo, pela proximidade com o SES6 onde vc já estava, mas como a polarização do IS11 é crítica devido seus sinais fracos, isto deve ter lhe trazido dificuldades. Corrija esta questão da polarização do LNBF que certamente vc conseguirá rapidinho, e se ainda encontrar dificuldades então troque de LNBF, optando por um monoponto mais sensível, pois como disse anteriormente, é difícil encontra um multiponto sensível o bastante para funcionar bem nos sinais fracos do IS11.

Boa pontaria mais uma vez!
Ok.Tirei fotos da Greatek multiponto e da Gecen monoponto Gcf1101 que tenho duas aqui.2mpamib.jpg[/quote

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #514
24/06/2017, 13:00
Colaborador Canais

HumbertoGV escreveu:
.Tirei fotos da Greatek multiponto e da Gecen monoponto Gcf1101 que tenho duas aqui.






No multiponto não tem a escala no topo, mas no monoponto(à direita) tem, e veja que internamente também tem uma haste que está no mesmo alinhamento da sonda horizontal interna, e no mesmo alinhamento do zero mostrado na seta.
Agora veja no multiponto se também tem esta haste interna. Se tiver, faça uma marcação no topo do LNBF indicando o mesmo alinhamento desta haste, então vc terá a referência horizontal do multiponto também.

Mas se vc tem o monoponto disponível então utilize ele, pois se estiver em bom estado é provável que ele seja mais sensível e estável, se saindo melhor que o multiponto, principalmente com sinais fracos...

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #515
24/06/2017, 13:20

J. Roger escreveu:
HumbertoGV escreveu:
.Tirei fotos da Greatek multiponto e da Gecen monoponto Gcf1101 que tenho duas aqui.






No multiponto não tem a escala no topo, mas no monoponto(à direita) tem, e veja que internamente também tem uma haste que está no mesmo alinhamento da sonda horizontal interna, e no mesmo alinhamento do zero mostrado na seta.
Agora veja no multiponto se também tem esta haste interna. Se tiver, faça uma marcação no topo do LNBF indicando o mesmo alinhamento desta haste, então vc terá a referência horizontal do multiponto também.

Mas se vc tem o monoponto disponível então utilize ele, pois se estiver em bom estado é provável que ele seja mais sensível e estável, se saindo melhor que o multiponto, principalmente com sinais fracos...
Ok.O monoponto tá em bom estado.Usava dois desses no trilho do carona c3,c2,c1.Agora uma duvida;esse zero do alinhamento deve ficar apontado pra onde?Como faço apontamentos em antenas KU acostumei com o virtual 12:00(meio dia)do topo da antena rsrsrs

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #516
24/06/2017, 13:35
Colaborador Canais

HumbertoGV escreveu:
.O monoponto tá em bom estado.Usava dois desses no trilho do carona c3,c2,c1.Agora uma duvida;esse zero do alinhamento deve ficar apontado pra onde?Como faço apontamentos em antenas KU acostumei com o virtual 12:00(meio dia)do topo da antena rsrsrs


Essa linha mostrada pela seta corresponde ao horizontal interno do LNBF, e se o satélite está próximo do azimute zero então o horizontal do satélite está alinhado ao "nosso horizontal ambiente", logo, a linha mostrada(seta) também deve ficar na horizontal real. Simples assim.

Se vc está acostumado com antenas ku, então sabe que quando o LNBF está neste "virtual 12:00hs" que vc citou, a saída do cabo do LNBF(nas maioria dos modelos) aponta para baixo, alinhando com a vertical certo? Assim o vertical do LNBF acompanha a vertical real quando apontada para o IS11(43W).
Na banda C é a mesma coisa, porém não usamos a vertical como referência, nem a "saída do cabo" como referência porque ela pode mudar de posição conforme o tipo de LNBF, e porque é mais fácil usar a referência horizontal, que fica no zero da escala no topo dos LNBFs, e obviamente fica num ângulo de 90° com a vertical.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #517
24/06/2017, 14:30
Colaborador Canais

J. Roger escreveu:
HumbertoGV escreveu:
.O monoponto tá em bom estado.Usava dois desses no trilho do carona c3,c2,c1.Agora uma duvida;esse zero do alinhamento deve ficar apontado pra onde?Como faço apontamentos em antenas KU acostumei com o virtual 12:00(meio dia)do topo da antena rsrsrs


Essa linha mostrada pela seta vermelha corresponde ao horizontal interno do LNBF,e se o satélite está próximo do azimute zero então o horizontal do satélite está alinhado ao "nosso horizontal ambiente", logo, a linha mostrada(seta) também deve ficar na horizontal real. Simples assim.

Se vc está acostumado com antenas ku, então sabe que quando o LNBF está neste "virtual 12:00hs" que vc citou, a saída do cabo do LNBF(nas maioria dos modelos) aponta para baixo, alinhando com a vertical certo? Assim o vertical do LNBF acompanha a vertical real quando apontada para o IS11(43W).
Na banda C é a mesma coisa, porém não usamos a vertical como referência, nem a "saída do cabo" como referência porque ela pode mudar de posição conforme o tipo de LNBF, e porque é mais fácil usar a referência horizontal, que fica no zero da escala no topo dos LNBFs, e obviamente fica num ângulo de 90° com a vertical.


Se desejar, pode desenhar a linha de referência vertical do LNBF, que deve cruzar a horizontal em exatos 90° para ficar precisa. A imagem abaixo mostra como deve ficar, as setas em azul indicando o alinhamento vertical, cujas pontas devem apontar para 12:00hs/06:00hs , e assim, com a referência vertical, ficaria similar ao ajuste "12:00hs virtual" que vc tá acostumado nas instalações ku.



Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #518
24/06/2017, 14:49

J. Roger escreveu:
HumbertoGV escreveu:
.O monoponto tá em bom estado.Usava dois desses no trilho do carona c3,c2,c1.Agora uma duvida;esse zero do alinhamento deve ficar apontado pra onde?Como faço apontamentos em antenas KU acostumei com o virtual 12:00(meio dia)do topo da antena rsrsrs


Essa linha mostrada pela seta corresponde ao horizontal interno do LNBF, e se o satélite está próximo do azimute zero então o horizontal do satélite está alinhado ao "nosso horizontal ambiente", logo, a linha mostrada(seta) também deve ficar na horizontal real. Simples assim.

Se vc está acostumado com antenas ku, então sabe que quando o LNBF está neste "virtual 12:00hs" que vc citou, a saída do cabo do LNBF(nas maioria dos modelos) aponta para baixo, alinhando com a vertical certo? Assim o vertical do LNBF acompanha a vertical real quando apontada para o IS11(43W).
Na banda C é a mesma coisa, porém não usamos a vertical como referência, nem a "saída do cabo" como referência porque ela pode mudar de posição conforme o tipo de LNBF, e porque é mais fácil usar a referência horizontal, que fica no zero da escala no topo dos LNBFs, e obviamente fica num ângulo de 90° com a vertical.
Vou deixar o zero da lnb apontado para o norte,é isso?

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


J. Roger
Varginha - MG
br.gif
Mensagem: #519
24/06/2017, 15:25
Colaborador Canais

HumbertoGV escreveu:
Vou deixar o zero da lnb apontado para o norte,é isso?


Negativo. Este zero que está gravado no topo do LNBF indica zero grau de inclinação do LNBF quando a linha que passa por ele estiver na horizontal,quando então o LNBF tem zero grau de inclinação, sempre com referência à horizontal ou vertical se usar a linha azul do desenho anterior. Não está diretamente relacionado com o zero grau do azimute não.

A medida em graus azimute(zero grau que indica o Norte) é usada principalmente para apontar a parábola (como nos graus de indicação da bússola).

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


HumbertoGV
Governador Valadares - Minas Gerais
br.gif
Mensagem: #520
24/06/2017, 15:51

Eu desisto J.Roger! 2 horas tentando e nada.Acho que minha antena nao dá mesmo.Obrigado pela ajuda ok.Vou tentar postar foto dela aqui deste momento.

Enviar mensagem privada Responder com citação Exibir o perfil do usuário


Página 26 de 27 Pág. Anterior  1, 2, 3 ... , 25, 26, 27  Próximo
As mensagens publicadas são de responsabilidade de seus autores

Publicidade

  • E-Shop Satélite Crispim
  • Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

    Get Adobe Flash player

  • Anuncie aqui
  • Anuncie aqui
Desenvolvido por Danilo Rodrigues


BSD SHOP - Radio BSD - BSD TV
Contato - Atualizar Satélite - Atualizar Canais Terrestre
Fone: (11) 4526-6791 | E-mail: contato@portalbsd.com.br